31 março, 2015

Desembaraço



Esse desembaraço
Causou falta de compasso
Queda de fios

Não há pente fino
Não há afinador
Não há luneta futura

Perde-se ritmo 
Perde memória
Perde humanidade

Esse desembaraço
Ainda embaraça nó no peito
Na garganta, há faca
Perde sangue, entrelaça a quebra de vidas
Aparta, aparta, sangra
Esse nó no peito, veio para ficar...